Outubro Rosa: São Judas realiza a campanha “Dignidade Feminina”, com foco na arrecadação de absorventes para mulheres de comunidades carentes

As doações podem ser feitas até o dia 29 de outubro, na unidade Mooca. A ação também contempla encontros online para falar sobre saúde feminina.

No mês do cuidado e prevenção ao câncer de mama, a Universidade São Judas, que integra a Ânima Educação, realiza uma série de ações pensadas para a saúde da mulher. A campanha “Dignidade Feminina” está arrecadando absorventes para entregar às mulheres de comunidades carentes que não possuem condições para comprar o item de higiene. As doações podem ser feitas até o dia 29 de outubro, nos pontos de coleta que ficam na entrada e nos banheiros do campus Mooca da instituição.

Para professora de enfermagem e Coordenadora Docente Geral da Liga Interdisciplinar da Saúde da Mulher da Universidade São Judas, Fernanda Magaldi, é necessário dar todo suporte para que as mulheres tenham acesso a materiais de autocuidado. “O uso do absorvente faz parte da higiene pessoal e dos cuidados de saúde da mulher. Infelizmente, muitas não têm acesso ao produto e nós precisamos desenvolver campanhas para apoiar e fornecer o material para elas”, ressalta.

Nos dias 21 e 22 de outubro, a partir das 17:50, enfermeiros, nutricionistas, fisioterapeutas e professores vão realizar encontros online para falar sobre temas relacionados à saúde feminina. As inscrições podem ser feitas gratuitamente pelo site.

No dia 21, acontecerá uma mesa redonda com a Fisioterapeuta Ariane Rocha, a Nutricionista Sabrina Duarte e a Enfermeira Obstetra Graazi Dias, onde o assunto será ‘Gravidez, Parto e Puerpério’. Já no dia 22 o encontro será com a professora de ciências biológicas da São Judas, a Dra. Priscila Longo, numa conversa sobre ‘Envelhecimento e Sexualidade da Mulher’.

Ainda de acordo com a professora, o ciclo de conversas com profissionais da saúde tem o objetivo de esclarecer mulheres jovens e idosas sobre a importância do autocuidado. “Os temas dos encontros são de grande importância para mulheres de todas as idades. É necessário falar sobre essas questões para quebrar tabus e frear a disseminação de informações que não são verdadeiras”, completa.

Serviço

O que: 2ª Semana de Estudo Interdisciplinar da Saúde da Mulher

Quando: 21/10 e 22/10

Horário: 17:50

Inscreva-se


 

Receba os melhores conteúdos e fique por dentro de tudo