Duração:

Titulação:

Turno:

Faça Mestrado na São Judas!

O Programa de Pós-graduação Stricto Sensu em Ciências do Envelhecimento foi recomendado pelo Conselho Técnico Científico (CTC) da CAPES em 29/10/2009. Originou-se de Grupos de Pesquisa cadastrados no Diretório do CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico) e certificados pela Universidade São Judas Tadeu (USJT) que, desde 2001 e 2003, desenvolvem pesquisas sobre o idoso e o processo de envelhecimento dentro de um enfoque multidisciplinar que incluem diversas áreas do conhecimento, tais como: Psicologia, Educação, Ciências Biológicas, Educação Física, Nutrição, Letras entre outras.

O Mestrado em Ciências do Envelhecimento da Universidade São Judas Tadeu (PGCE/USJT) é um dos programas que estudam o tema do envelhecimento e que estão alocados na área Interdisciplinar da CAPES. O programa está na inserido nas áreas de concentração: “Saúde, Educação e Qualidade de Vida” com três linhas de pesquisa:

(1) Aspectos Educacionais, Psicológicos e Socioculturais do Envelhecimento;

(2) Doenças Crônicas e Degenerativas no Envelhecimento; e

(3) Saúde, Nutrição e Funcionalidade no Envelhecimento.

Curso

Mercado de trabalho e atuação

O programa de Mestrado tem como objetivo desenvolver conhecimento sobre o envelhecimento abrangendo as interfaces de vários saberes, em uma perspectiva interdisciplinar que procura investigar aspectos relacionados com a vida biológica, psicológica, social e cultural no que se refere ás questões da saúde, educação e qualidade de vida dos idosos.

Diferenciais do curso

Recomendado pelo Conselho Técnico Científico (CTC) da CAPES


Conheça mais sobre a estrutura da unidade

Quem faz São Judas recomenda

Imagem do Aluno

Vanessa Calaça Quadros

“Tem sido uma experiência interessante. Além de todo mundo conhecer a universidade, entre os pontos mais fortes, citaria a infraestrutura de sala de aula e laboratórios. (quando entrei) Já tinha bastante recursos que não via em outra universidade e foi melhorando ao longo do tempo.”