Projeto desenvolvido pela Universidade São Judas investe em atividades interdisciplinares para elevar a autoestima e estimular a cognição em idosos

O projeto é desenvolvido por professores e alunos do Mestrado em Ciências do Envelhecimento que acompanham, gratuitamente, os idosos durante as atividades

Países de todo o mundo estão vivendo o crescimento do envelhecimento populacional. A expectativa é que em 2050 tenhamos cerca de 2 bilhões de pessoas com mais de 60 anos. Para estabelecer cuidados apropriados para esta população, a São Judas, por meio da Pós-Graduação em Ciências do Envelhecimento, abre mais uma turma para participação no projeto Curiosa Idade. A cada edição, a iniciativa atende, gratuitamente, 50 idosos, realizando acolhimento e desenvolvendo novas potencialidades, promovendo cultura, aprendizagem através da curiosidade com exercícios que quebram as barreiras das gerações para proporcionar saúde, bem-estar, inclusão e qualidade de vida nos aspectos físicos, emocional, social e intelectual. O início dessa 4ª turma inicia a partir do dia 29 de abril, com encontros semanais, de forma online, toda quinta-feira, das 14h às 16h. As inscrições podem ser feitas acessando este link.

O projeto utiliza jogos interativos que estimulam a cognição, desenvolvem atividades de aprendizagem que elevam a autoestima, despertam a criatividade e geram autonomia. Arte e cultura tem um papel relevante para o envelhecimento saudável. A alimentação também é abordada em oficinas que falam sobre as características dos alimentos e como manter a dieta saudável e equilibrada. Os exercícios são realizados no âmbito dos pilares: Aprendizagem; Criatividade; Sustentabilidade; Intergeracional; Qualidade de Vida; Inclusão Social/Digital; Conhecimento; Competências e Habilidades.

Uma das participantes da terceira turma do projeto, Marcia Casalli se sentiu motivada a realizar atividades que não desenvolvia há muito tempo. “O curso abriu meus olhos e mostrou que, independente da idade, nós podemos realizar o que quisermos e desejarmos. Adorei participar dessa turma e me deu ânimo para fazer algo que me motiva demais, que é estudar”, ressalta.

O Curiosa Idade conta com a participação de estudantes das graduações em Nutrição, Psicologia, Educação Física, Enfermagem, Biomedicina, Medicina e do Mestrado em Ciências do Envelhecimento, que acompanham diretamente os idosos participantes com o auxílio dos professores. O curso disponibilizará uma rede de suporte aos inscritos, para orientá-los melhor sobre as ferramentas que utilizarão no decorrer do curso, a fim de proporcionar uma melhor experiencia aos participantes.

A coordenadora do projeto, Rita Aquino, diz que é muito satisfatório realizar as atividades com os idosos e estimular sentimentos que estão guardados neles. “Desenvolver o Curiosa Idade é muito gratificante, ainda mais nesse período de isolamento social, onde a restrição para eles é maior. Eles ficam muito felizes ao constatarem que ainda podem realizar muitas atividades. Isso é importante, porque eleva a autoestima deles, traz um ânimo para a vida e desperta a criatividade e autonomia”, completa Rita.

Para melhor orientar os inscritos, a maior parte da comunicação do curso será feita por grupos de WhatsApp, com o intuito de facilitar a experiência e manter uma comunicação fluida entre os participantes e professores.

Serviço:

O que: Curso Curiosa Idade

Quando: todas as quintas-feiras a partir do dia 29 de abril a 24 de junho

Horário:  Das 14h às 16h

Quanto: Gratuito

Inscreva-se