Quem quer ser um biomédico? Quem quer ser um biomédico?

Quem quer ser um biomédico?

Quer entender melhor as doenças e desenvolver vacinas e medicamentos? Então, seu caminho pode ser a Biomedicina. Já pensou nisso?

Hoje vamos falar sobre essa profissão que, apesar de ter um nome parecido, tem atividades bem diferentes da medicina. Enquanto o médico trabalha no atendimento às pessoas, o biomédico identifica, classifica e estuda o que causa as doenças. O médico prescreve o melhor tratamento, enquanto que o biomédico desenvolve medicamentos e/ou vacinas para combater cada uma das patologias. Em comum, está a busca incessante em promover a saúde e qualidade de vida das pessoas.

O biomédico é um profissional focado em pesquisa e atua com muita frequência em laboratórios. Seu dia a dia abrange exames, pesquisas e coleta de amostras biológicas, ou seja, ele está na intercessão entre a medicina e a biologia.

Muita gente acha que Biomedicina é uma ciência restrita a seres humanos. Só que não. Essa ciência abrange também vegetais e animais.

O curso tem duração de 8 semestres e sua titulação é bacharelado. Esse é um curso regulamentado, que conta com um Conselho Federal de Biomedicina. Isso torna obrigatório o registro profissional para que o egresso possa trabalhar.

A carreira é muito ampla, com bastante possibilidades de atuação.

Depois de formado, o biomédico encontra oportunidades, em sua maioria, nos hospitais, clínicas e laboratórios de análises clínicas e diagnóstico por imagem. Além disso, há chances na indústria farmacêutica, onde podem realizar pesquisas medicamentosas e de outros produtos correlatos.  Outro mercado que emprega bastante é o da saúde pública, em que esse profissional atua com as novas doenças e epidemias.  Uma outra área que tem contratado muitos biomédicos é na indústria estética e de tecnologia.

O biomédico pode atuar também com acupuntura, análises bromatológicas e clínicas, bioinformática, biofísica, biologia molecular, bioquímica, biotecnologia, citologia, diagnóstico por imagem, docência e pesquisa, embriologia, estética, farmacologia, genética, histologia, hematologia, imunologia, microbiologia, parasitologia, patologia, psicobiologia, saúde pública e sanitária, além da toxicologia. Muita coisa, não mesmo?

E aí? Quer se tornar um biomédico? Se sim, vem pra São Judas. Sabe porquê? Primeiro, vamos te mostrar os nossos 6 principais diferenciais:

  • O nosso curso obteve nota 4 (de um total de 5), segundo o MEC.
  • Nossa matriz curricular conta com disciplinas inovadores como Análise Ambiental, Criminalística, Embriologia e Reprodução Humana e Estética.
  • Você vai contar com atividades práticas desde o início do curso.
  • Corpo docente representado principalmente por mestres e doutores.
  • O estudante de Biomedicina conta com eventos acadêmicos, como aula inaugural e Simpósio Multiprofissional.
  • Você terá a oportunidade de compreender e se preparar para o mercado de trabalho, com práticas inovadoras de ensino, em disciplinas como o Laboratório de Aprendizagem Integrada e o Projeto Interdisciplinar.

O curso de graduação em Biomedicina da São Judas tem como objetivo formar um profissional capaz de comprometer-se com a melhoria das condições de vida e de saúde da população, apto a assumir compromissos e responsabilidades junto à equipe multiprofissional, com visão integrada dos processos biológicos e patológicos para atuar em diversos ambientes da área da saúde.

Se você quer ser um biomédico, é só se inscrever no próximo vestibular. É só clicar aqui.



Inscreva-se