O que não fazer no dia da prova do Enem O que não fazer no dia da prova do Enem

O que não fazer no dia da prova do Enem

A preparação para o Enem também inclui ficar por dentro do que pode e do que não pode ser feito no dia da prova. Feito por milhões de alunos em todo o país, o exame tem algumas regras para igualar as condições dos participantes e, principalmente, evitar fraudes.

Ser desclassificado automaticamente da prova por ter esquecido algum documento, chegar atrasado ou portar objetos proibidos durante a prova é jogar seu esforço no lixo, não concorda? Além disso, adotar hábitos nada saudáveis nos dias que antecedem a prova, que afetam o seu desempenho, é desprezar todos os seus dias e noites dedicados aos estudos.

Pensando em te ajudar nessa questão, juntamos neste post todas as informações sobre o que não fazer no dia da prova do Enem, de maneira que você possa se preocupar somente em dar o melhor de você, fazendo valer todo o seu empenho:

O que não é permitido fazer durante a prova do Enem?

Apesar de todas as regras da prova serem publicadas anualmente no edital do processo seletivo, são poucas as pessoas que, de fato, as leem. Isso pode fazer com que você infrinja alguma regra justamente por não saber da existência dela. Por isso, fique atento sobre o que é proibido durante o exame:

  • Consultar qualquer tipo de material impresso;

  • Conversar com outros candidatos;

  • Anotar as respostas em qualquer outro lugar que não a folha de respostas;

  • Sair da sala antes de passadas 2 horas do início do exame;

  • Utilizar qualquer tipo de dispositivo eletrônico durante a prova (celular, tablet, relógio);

  • Tirar foto da prova (existe uma comissão especial de monitoramento de redes sociais durante a prova; por isso, não tente bancar o espertinho postando fotos da prova no seu Facebook!);

  • Utilizar óculos escuros, bonés, chapéus, gorros ou viseiras;

  • Portar arma de fogo (essa orientação parece óbvia, mas não custa reforçar, não é mesmo?);

  • Utilizar lápis ou lapiseira, ou ainda caneta de material não transparente.

Qualquer um dos itens citados acima é capaz de desclassificar um candidato durante a prova do Enem. Por isso, tome bastante cuidado!

O que não posso esquecer?

Assim como os itens proibidos, existem também os itens que são obrigatórios. Caso você se esqueça de algum deles, pode acabar sendo desclassificado também. Por isso, anote aí o que levar no grande dia:

Documento de identificação com foto

Aqui não tem choro nem vela. Você tem que provar que você é você mesmo, e isso só é possível com a apresentação de um documento válido.

Caneta esferográfica feita de material transparente e na cor preta

O leitor automático da folha de respostas só reconhece a cor preta. Então, nem adianta levar sua coleção de canetas coloridas para a prova. De preferência, carregue 2 ou 3 canetas pretas com você e teste-as antes.

Conferir com cuidado o caderno de questões

Assim que receber o seu, certifique-se de que ele está completo, com todas as páginas e questões. Você não quer descobrir somente ao final da prova que falta uma página do seu caderno, não é mesmo? Ao encontrar qualquer erro, dirija-se imediatamente ao aplicador da prova.

Anotar corretamente a cor do caderno de questões na folha de respostas

Apesar de as questões serem as mesmas para todos os concorrentes, elas têm a sua ordem trocada, e cada cor de caderno corresponde a uma ordem específica. Se você esquecer de passar para a folha de respostas qual é a cor do seu caderno ou anotá-la de maneira equivocada, a correção da sua prova será impossibilitada ou equivocada.

Transcrever a frase do caderno de questões para a folha de respostas corretamente

A fim de comparar a caligrafia de quem realizou a prova com a assinatura contida no documento de identificação do candidato, é necessário que ele transcreva a frase que está na capa do caderno de questões para a folha de respostas. Caso você se esqueça de fazer isso, será automaticamente desclassificado.

Assinar todos os documentos

Além da folha de respostas, é necessário assinar a folha de presença e a folha de redação e rascunho. Sempre confira se todos os documentos a serem entregues estão devidamente assinados. Um pequeno vacilo nesse quesito pode acabar te desclassificando!

O que fazer na véspera do grande dia?

Não são apenas o descumprimento das regras ou os esquecimentos que podem fazer com que você acabe prejudicado no dia da prova do Enem. Certas atitudes têm que ser tomadas nos dias que antecedem a prova, garantindo que você fique mais tranquilo e concentrado para arrasar!

Confira quais são eles:

Estudar cuidadosamente o trajeto até o local de prova

Quem nunca leu as montanhas de notícias sobre os “atrasados do Enem”, publicadas todos os anos após as provas? Para não fazer parte dessa estatística trágica, planeje com muito cuidado a sua rota até o local de prova, designado em sua confirmação de inscrição.

Se possível, dias antes, faça o trajeto com o meio de transporte que irá utilizar no dia — ônibus, carro, bicicleta, o que for — e calcule a que horas deve sair de casa para não se atrasar. Leve em consideração que o trânsito pode se complicar e saia de casa com antecedência. Lembre-se: os portões se abrem às 12h e fecham, impreterivelmente, às 13h.

Dormir o suficiente

É claro que é muito normal ficar ansioso e ter dificuldades para dormir na véspera do exame. Mas tente ao máximo se acalmar e ir pra cama cedo, ok? Uma noite de sono mal dormida pode afetar severamente a sua capacidade de concentração e, consequentemente, o seu desempenho na prova.

Alimentar-se corretamente

Da mesma maneira que o sono, sua alimentação requer uma atenção maior na véspera da prova. Evite comer alimentos muito gordurosos ou de difícil digestão. Afinal, você não quer ter uma dor de barriga daquelas no grande dia, não é? Por outro lado, evite comer qualquer coisa com que você não está acostumado. Mudar os hábitos alimentares de maneira abrupta pode ser arriscado.

Tendo em mente o que não é permitido fazer, o que não esquecer e como evitar hábitos ruins antes da prova, sua única preocupação durante o exame será aplicar tudo aquilo que você estudou durante o ano. Afinal, de nada vale estar superpreparado e acabar desclassificado por um vacilo, não é mesmo? Foco e atenção garantirão o seu sucesso!

Gostou desse conteúdo? Ele foi útil para você? Então talvez você tenha interesse em baixar o nosso guia prático de como ser aprovado no vestibular, disponível gratuitamente aqui no blog!



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *