4 hábitos que você deve adquirir para escrever melhor 4 hábitos que você deve adquirir para escrever melhor

4 hábitos que você deve adquirir para escrever melhor

Dominar as artes da boa escrita é uma habilidade em falta dentre os profissionais de hoje. A disseminação da tecnologia e a rapidez da internet, que atualmente predominam em nossa rotina, acabam sendo prejudiciais para quem deseja escrever de maneira correta. Isso porque esses formatos exigem que a gente se expresse de maneira apressada por meio da escrita, o que não nos permite reflexões mais profundas sobre o que está sendo posto no papel (ou na tela, mais comumente).

Assim, sobram textos ambíguos e mal construídos, o que pode afetar seriamente o desempenho acadêmico e profissional das pessoas e levar a erros operacionais e graves falhas de comunicação.

Muitos pensam que escrever bem é um dom, que alguns têm e outros, não. Mas, na verdade, essa é uma habilidade que pode ser treinada e aperfeiçoada por qualquer pessoa que se disponha a fazê-lo com afinco e dedicação. Até mesmo escritores reconhecidos precisam se empenhar continuamente na melhoria de sua escrita.

Quer saber como escrever melhor? Então confira abaixo nossa lista de 6 hábitos que podem lhe ajudar muito nessa tarefa!

Leia bastante e indiscriminadamente

O Brasil não é, definitivamente, um país de leitores. Grande parte das pessoas não é incentivada a desenvolver o hábito da leitura desde crianças, nem por parte da escola e nem em casa, pela família. O resultado? Segundo dados do censo do IBGE de 2010, 20,3% da população brasileira pode ser considerada analfabeta funcional. Esse é o nome dado à incapacidade de compreender sentenças simples e interpretar textos curtos, bem como de estruturar redações de maneira coesa.

A leitura é fundamental para praticar ambas as capacidades, pois, além de exercitar sua interpretação, você entra em contato com diversas formas de escrita, o que permite enriquecer sua redação. Por isso, se você pretende desenvolver sua habilidade de escrita e escrever melhor, adquira o hábito da leitura já!

Leia tudo o que estiver ao seu alcance: livros, jornais, revistas, blogs e páginas do seu interesse. O mais importante é que você varie as fontes de leitura, não se prenda a uma só e diversifique.

Esforce-se para fazer disso um hábito diário: tenha sempre um livro em sua cabeceira e leia nem que seja uma página todos os dias. Dê preferência a livros de ficção, que têm maior repertório gramatical e vocabular, além de analogias e metáforas. Isso acaba estimulando a melhora de sua escrita em qualquer assunto. Outro ponto importante é variar o gênero literário e os autores.

Escreva com frequência

Quando você decide aprender a tocar um instrumento, o que você faz? Pratica, não é mesmo? Então por que isso não valeria também na hora de escrever melhor? Acostume-se a praticar sua escrita e faça disso um hábito, assim como a leitura.

Se você não sabe sobre o que escrever, que tal elaborar um texto contando sua opinião sobre o último filme que você assistiu, ou algum livro que marcou sua vida? Escreva resenhas sobre os mais variados assuntos que despertem seu interesse, ou apenas tenha um caderno ou diário e conte algo de interessante que tenha lhe acontecido ou alguma reflexão pessoal. No início, não preocupe-se em mostrar para alguém, se isso te deixa constrangido. Com o desenvolvimento de suas habilidades, essa insegurança sobre a sua escrita, bem como o medo da opinião dos outros, tende a desaparecer.

Para as pessoas que não têm o costume de escrever à mão, em papel, criar um blog ou um perfil em uma rede social voltado para seus escritos pessoais pode ser uma boa ideia. Você pode alterar as configurações de privacidade da página e permitir o acesso somente a quem você deseja que leia. Receber feedbacks de amigos em quem você confia sobre o seu progresso pode funcionar como um ótimo incentivo.

Revise tudo o que escrever

Às vezes, na pressa, clicamos no botão de enviar em uma mensagem, e-mail ou até mesmo em um trabalho acadêmico sem antes revisá-lo com atenção. Mas deixe de preguiça e não deixe que isso aconteça!

Coloque-se no lugar do leitor e releia o que você escreveu. Você entenderia o conteúdo escrito por você se não fosse o autor do texto? Ele está coeso, bem estruturado e sem erros gramaticais? Você conseguiu passar a mensagem que queria? Faça essas perguntas a si mesmo e reformule seu texto quantas vezes forem necessárias.

Fique atento à pontuação

Um dos erros de escrita mais cometidos pelas pessoas é a construção de textos com sentenças longas demais e pontuações de menos. Sentenças muito grandes aumentam a chance de você deixar seu texto ambíguo. Por outro lado, frases mais curtas eliminam possíveis incoerências e tornam o texto mais coeso.

Exponha uma ideia por parágrafo

Você sabe quantos parágrafos um texto deve ter? A resposta correta para essa pergunta é: o mesmo número de ideias que você quer transmitir. Um parágrafo é composto por uma ideia central, suportada por ideias secundárias. Já está na hora de falar sobre outra coisa importante para o texto? Então é hora também de trocar de parágrafo.

Isso significa, também, que seus parágrafos não devem ser muito curtos — afinal, a ideia principal deve ser apoiada. Assim, se perceber que seu texto tem muitos parágrafos frasais (ou seja, aqueles compostos por apenas uma frase), é preciso repensar a estrutura e os argumentos usados.

Resolva suas dúvidas

A maioria das pessoas, quando em dúvida sobre a grafia de determinada palavra ou o sentido de determinada expressão, resolve substituí-las por algo que tenha o mesmo sentido, em vez de pesquisar a forma correta de aplicação das mesmas em um texto. Mas isso é um grande erro se você quer escrever melhor!

Sempre que estiver em dúvida, vá atrás da resposta. Isso enriquece seu vocabulário e expande sua capacidade de compreensão e interpretação de expressões. Para facilitar essa busca, você pode baixar aplicativos gratuitos de dicionários e gramáticas da língua portuguesa, que são muito fáceis de consultar e estão em constante atualização.

Seguindo essas dicas, com disciplina e afinco, você começará a desenvolver suas habilidades de escrita e notará os resultados desse esforço em pouco tempo!

Esse conteúdo foi útil para você? Tem alguma dica para escrever melhor que não foi mencionada no texto? Conte para a gente nos comentários, você pode ajudar alguém com ela!


Mais lidas:

Inscreva-se