Biblioteca - Profª Alzira Altenfelder Silva de Mesquita

Autor: Mauricio Azevedo de Moraes
Título(s): Avaliação dos fatores associados à capacidade funcional, à qualidade de vida e ao medo de cair de idosos de um centro de reabilitação de fisioterapia da cidade de Mogi das Cruzes - SP
Resumo: [pt] Envelhecimento é um processo heterogêneo com alterações morfológicas, bioquímicas psicológicas que afetam as capacidades motoras na realização das atividades diárias dos idosos. O objetivo do estudo foi avaliar os fatores associados ao desempenho das AVDS e AIVDS, à qualidade de vida e ao medo de cair de idosos que frequentam um Centro de Reabilitação em fisioterapia na cidade de Mogi das Cruzes – SP. Trata-se de um estudo de campo transversal com abordagem quantitativa. Foi verificado o desempenho das Atividade de Vida Diária (AVDs), a Atividade Instrumental de Vida Diária (AIVDs), o medo de cair através do questionário FES I – Brasil, a e qualidade de vida através dos questionários WHOQOL–bref e WHOQOL–old e os fatores associados através do desempenho motor pelo short Battery performance Battery (SPPB), a força preensão manual, o estado cognitivo pelo Mini Exame de estado Mental (MEEM), o risco nutricional através da Mini Avaliação Nutricional (MAN). Participaram do estudo 42 voluntários, com média de idade de 68,5 anos, sendo que 83,3% eram mulheres. 42,8% tinham sobrepeso ou obesidade. Foram encontradas correlações moderadas entre as AIVDs com medo de cair e o desempenho motor e o medo de cair que demonstra quanto melhor a realização das AIVDs e melhor o desempenho motor menor é o medo de cair, encontramos ainda uma correlação entre as AIVDs com a atividade física que significa que quando realizamos atividade física melhor será o desempenho para realizar as AIVDs. Em relação à qualidade de vida, observou-se que o desempenho motor se correlacionou positivamente com o domínio físico do WHOQOL-bref e também com a faceta participação social do WHOQOL-bref; e também, uma correlação negativa entre os domínios físico e psicológico do WHOQOL-bref e preocupação com as quedas, demonstrando que quanto melhor é a qualidade de vida, relacionada à esses domínios, menor é a preocupação em sofrer quedas. Conclui-se que a capacidade funcional dos idosos está relacionada ao desempenho motor e à realização de atividade física e que o medo de cair tem uma influência na capacidade funcional e na qualidade de vida dos idosos.
Resumo: [en] Aging is an heterogeneous process with morphological, biochemical and psychological changes that affect the elderly motor skills in the daily activities. The aim of this study was to evaluate the associated factors with the performance the functional capacity, the life quality and the falling fear risk in elderly people attending a rehabilitation center in physiotherapy at the Mogi das Cruzes city - SP. This is a cross-sectional field study with a quantitative approach. The performance of Daily Living Activity (DLA), the Instrumental Activity of Daily Living (IADLs), the Fall Effectiveness Scale (FES I - Brazil questionnaire), the life’s quality through the WHOQOL–bref and WHOQOL– old and the factors associated through motor performance evaluated by the short Battery Performance Battery (SPPB), the handgrip strength, the cognitive status by Mini Mental State Examination (MMSE) and the nutritional risk through Mini Nutritional Assessment (MAN). Forty-two volunteers participated in the study, with a mean age of 68.5 years. 83.3% participants were women and 42.8% were overweight or obese. Moderate correlations were found between IADLs with falling fear and motor performance and falling fear that demonstrates the better the IADLs performance the better the motor performance and the falling fear. We also found a positive correlation between IADLs and physical activity. The motor performance was positively correlated with WHOQOL-bref physical domain and also with the WHOQOL-bref social participation facet; and also a negative correlation between the WHOQOL-bref psychological and physical domains with falls concerned, demonstrating that the better the life’s quality, the lower the concern to suffer falls. It is concluded that the functional capacity of the elderly is related to motor performance and physical activity. And also, the falling fear has an influence on the functional capacity and the life’s quality of the elderly.
Titulação: Mestrado em Ciências do Envelhecimento
Orientador (a): Adriana Machado Saldiba de Lima
Banca

-

Assuntos: Envelhecimento, qualidade de vida, capacidade funcional.
Arquivo(s): Abrir documento (PDF)
   

Pesquisa Específica