Biblioteca - Profª Alzira Altenfelder Silva de Mesquita

Autor: Milena Cristina de Freitas
Título(s): [pt] Envelhecimento e trabalho: percepções e vivências de docentes do ensino superior na maturidade.
Resumo: [pt] Considerando o atual cenário de longevidade, notam-se fortes indícios da participação de professores universitários acima de 60 anos na força de trabalho. Diante dessas questões, o objetivo do presente estudo foi analisar as percepções e vivências sobre envelhecimento e trabalho para docentes na maturidade que continuam trabalhando. Trata-se de um estudo descritivo, exploratório e de multicasos, de abordagem qualitativa. Participaram do estudo 10 professores do ensino superior, sendo cinco de instituição pública e cinco de instituição privada, com idade média foi de 64 anos. Como instrumentos foram utilizados: questionário sócio demográfico, a técnica projetiva de Apercepção para idosos (SAT), o procedimento clínico Desenhos-Estórias com Tema, aplicação do Questionário de Qualidade de vida no trabalho versão abreviada e por fim uma entrevista semiestruturada. A análise de dados foi baseada na metodologia de estudo de caso múltiplo. No que diz respeito aos resultados, de modo geral, verifica-se que os participantes têm uma boa percepção sobre a qualidade de vida no trabalho. Associaram diferentes percepções de envelhecimento ligadas às perdas físicas e cognitivas. Demonstraram o trabalho docente ligado ao prazer e a possibilidade de contribuir para uma sociedade melhor. O sentimento de utilidade e ajudar ao próximo prevaleceram na representação de trabalho. Com relação às razões de continuidade do trabalho, foi vinculado a bem-estar físico e cognitivo. A aposentadoria foi representada pela maioria dos participantes como uma fonte de renda. Os professores apontaram que tanto o declínio da capacidade física e funcional, quanto a experiência acumulada na profissão, exercem influência no modo de envelhecer na profissão. No que se refere ao mercado de trabalho para o docente idoso, preponderou uma visão negativa. Verificou-se que a utilização da técnica projetiva SAT e o procedimento de DE-com Tema favoreceram a expressão de conteúdos emocionais. Concluise que é necessário a ampliação do tema em novas pesquisas e que favoreça um número maior de participantes de diversas áreas e níveis.
Abstract: [en] Considering the current scenario of longevity, there are strong indications of the participation of university teachers over 60 years in the workforce. In view of these issues, the objective of the present study was to analyze the perceptions and experiences about aging and work for mature teachers who continue to work. This is a descriptive, exploratory and survey study, with a qualitative approach. Ten higher education teachers participated, of which five were from a public institution and five from a private institution, with a mean age of 64 years. As instruments were used: socio-demographic questionnaire, the projective technique of Aptation for the Elderly (SAT), the clinical procedure Drawings-Stories with Theme, application of the Quality of Life Questionnaire in the work abbreviated version and finally a semi-structured interview. Data analysis was based on the multiple case study methodology. With regard to the results, in general, the participants have a good perception about the quality of life at work. They associated different perceptions of aging related to physical and cognitive losses. They demonstrated the teaching work related to pleasure and the possibility of contributing to a better society. The feeling of usefulness and helping others prevailed in the work representation. Regarding the reasons for continuity of work, it was linked to physical and cognitive wellbeing. Retirement was represented by the majority of participants as a source of income. The teachers pointed out that both the decline in physical and functional capacity and the accumulated experience in the profession exert an influence on the way of aging in the profession. With regard to the labor market for the elderly teacher, a negative view prevailed. It was verified that the use of the SAT projective technique and the DE-com Tema procedure favored the expression of emotional contents. It is concluded that it is necessary to expand the theme in new research and to favor a larger number of participants from different areas and levels.
Titulação: Mestrado em Ciências do Envelhecimento
Orientador (a): Prof. Claudia Aranha Gil
Banca

-

Assuntos: Longevidade, Professores Universitários, Velhice e Técnicas Projetivas
Arquivo(s): Abrir documento (PDF)
   

Pesquisa Específica