PALESTRA DE ABERTURA - FUTEBOL E SAÚDE

A saúde é essencial para o desenvolvimento e o crescimento. Países em desenvolvimento têm de combater a pobreza, a fome e as infecções, mas também doenças que se proliferam de modo crescente. O HIV/AIDS, a malária e a tuberculose matam milhões de pessoas no mundo. Mas o diabetes, a hipertensão, a obesidade e as doenças cardíacas estão se tornando problemas igualmente graves. O futebol — a paixão que une homens e mulheres de todas as idades, línguas, cores, culturas e religiões — pode vir a ser uma ferramenta de grande eficácia e baixo custo na luta mundial pela saúde.

Jogar futebol é divertido. Seja em competições ou por puro entretenimento, bater bola é saudável, mantém a forma física e protege de doenças do dia-a-dia. O futebol congrega pessoas de diferentes faixas etárias, gêneros, proveniências sociais e camadas culturais. É cheio de símbolos e também torna o aprendizado uma diversão. O "Futebol pela Saúde" significa jogar futebol, proteger-se de lesões e aprender a cultivar uma vida saudável.

O programa "11 pela Saúde" aprimora o conhecimento, a postura e o comportamento das crianças com relação às doenças. Onze mensagens simples sobre a prevenção, todas baseadas em fatos científicos e ligadas a uma ação futebolística específica, são disseminadas em grupos durante onze sessões de noventa minutos. A primeira etapa, chamada "Jogue futebol", ensina habilidades futebolísticas específicas. A segunda etapa, chamada "Jogue limpo", informa sobre a questão específica da saúde e ensina comportamentos saudáveis para que as crianças se protejam.

PROGRAMAÇÃO

16
SETEMBRO
PALESTRA DE ABERTURA
  Local: Auditório do Térreo
Horário Tema Palestrante(s)
19H30 Futebol e Saúde
Necessidades médicas para a Copa do Mundo de 2014
Dr. André Pedrinelli
(Diretor do Centro Médico de Excelência FIFA-IOT)