Biblioteca - Profª Alzira Altenfelder Silva de Mesquita

Autor: Mariana Izabel Marques de Sousa
Título(s): [pt] Identificação de fatores associados ao risco nutricional e desnutrição para uso em Avaliação Geriátrica Ampla – AGA por análise de correspondência.
Resumo: SOUSA, M. I. M. S. Identificação de fatores associados ao risco nutricional e desnutrição para uso em Avaliação Geriátrica Ampla – AGA por análise de correspondência múltipla. [Dissertação de Mestrado em Ciências do Envelhecimento]. São Paulo: Universidade São Judas Tadeu; 2017. Introdução: A AGA é um instrumento de identificação precoce dos problemas de saúde associadas ao envelhecimento, e a triagem nutricional é parte integrante por ser uma ferramenta sensível de detecção de fatores associados ao risco nutricional. Objetivo: Identificar os fatores associados ao risco nutricional e desnutrição para uso em Avaliação Geriátrica Ampla – AGA. Casuística e Métodos: Estudo transversal analítico, com amostra aleatória sistemática, constituída por 233 idosos com 60 anos ou mais, sorteados na listagem de pacientes atendidos na Triagem de Reabilitação do Centro de Referência do Idoso - CRI Norte. Inicialmente foram realizados testes qui-quadrado ou exato de Fisher para a identificação de variáveis associadas ao risco nutricional e desnutrição, adotando-se um nível de significância de 5% e na sequência foram investigadas as relações conjuntas entre o risco nutricional e desnutrição e as variáveis estudadas por meio da técnica de análise de correspondência múltipla. Resultados: O risco nutricional e a desnutrição se associaram com as variáveis socioeconômicas e de estilo de vida (grau de escolaridade, morar sozinho e tabagismo), antropométricas (estado nutricional, circunferência do braço e perda de peso), antecedentes pessoais (diabetes referida, depressão referida e polifarmácia), sinais clínicos (queda de cabelo, ressecamento de pele, ossatura aparente e perda muscular aparente), dietéticas (alteração na alimentação, número de refeições por dia, número de copos de líquido por dia, alteração de apetite, diminuição da ingestão e consumo de vegetais), saúde bucal e trato gastrointestinal (uso de prótese, alteração na frequência e preparo de alimentos, náuseas e alterações intestinais), mobilidade (velocidade da caminhada, dificuldade da caminhada, uso de auxiliar de marcha, queda nos últimos seis meses, fraqueza nas pernas, dificuldade física para compra de alimentos) e auto avaliação (saúde em relação aos outros da mesma idade, considera bem nutrido). Na análise de correspondência múltipla o risco nutricional e a desnutrição foram relacionados com a perda de peso não intencional, diminuição do apetite, diminuição da ingestão alimentar, receber ajuda física para a compra de alimentos, auto avaliação da saúde regular e ruim e auto avaliação nutricional de "baixo peso". Conclusão: Por meio das relações conjuntas entre risco nutricional e desnutrição e as variáveis identificadas, sugere-se o desenvolvimento e validação de um instrumento de triagem nutricional para a identificação de risco nutricional. Este instrumento será importante para a otimização do tempo e adequado encaminhamento do idoso a atenção nutricional e imprescindível para a recuperação e manutenção da saúde e qualidade de vida desta população.
Abstract: [en] SOUSA, M. I. M. S. Identification of factors associated with nutritional risk and malnutrition for use in Comprehensive Geriatric Assessment – CGA by multiple correspondence analysis. [Master's Dissertation in the Sciences of Aging]. São Paulo, University of São Judas Tadeu, 2017. Introduction: The CGA is an instrument for the early identification of health problems associated with aging and nutritional screening is integral part of it as a sensitive tool for the detection of factors associated with nutritional risk. Objective: To identify factors associated with nutritional risk and malnutrition for use in Comprehensive Geriatric Assessment – CGA. Methods: Analytical cross-sectional study with a systematic random sample was made up of 233 elderly individuals aged 60 years or older, drawn from the list of medical records of patients attending the Rehabilitation Screening of the Center for the Elderly Reference - CRI Norte. Initially chi-square or Fisher's exact tests were performed to identify variables associated with nutritional risk and malnutrition, adopting a significance level of 5%. Were investigated the joint relationships between nutritional risk and malnutrition and the variables weight loss, altered appetite, decrease intake, physical difficulty to buy food, self health assessment and nutritional self-assessment, through the technique of analysis of correspondence multiple. Results: Nutritional risk and malnutrition were associated with socioeconomic and lifestyle variables (schooling, living alone and smoking), anthropometric (nutritional status, arm circumference and weight loss), personal antecedents (referred to diabetes, referred depression and polypharmacy), clinical signs (hair loss, skin dryness, apparent bone and apparent muscle loss), dietary (change in diet, number of meals per day, number of glasses of liquid per day, altered appetite, decrease in intake and consumption of vegetables), oral health and gastrointestinal tract (use of prosthesis, alteration in the frequency and preparation of food, nausea and intestinal alterations), mobility (walking speed, walking difficulty, use of walking aid, drop in the last six months, weakness in the legs, physical difficulty to buy food) and self-assessment (health in relation to others of the same age, considered well nourished). Nutritional risk and malnutrition were correlated with unintentional weight loss, decrease appetite, decrease food intake, receiving physical help for to buy food, poor and regular self-health assessment, and nutritional self-assessment low-weight. Conclusion: Through the joint relationship between nutritional risk and malnutrition and the identified variables, it is suggested the development and validation of a nutritional screening tool for the early identification of risks. This instrument will be important for the optimization of the time and appropriate referral of the elderly to the nutritional attention essential for the recovery and maintenance of the health and quality of life of this population.
Titulação: Mestrado em Ciências do Envelhecimento
Orientador (a): Profa. Dra. Rita de Cássia de Aquino
Banca

-

Assuntos: Riscos nutricionais, Envelhecimento, Desnutrição, Nutrição-avaliação
Arquivo(s): Abrir documento (PDF)
   

Pesquisa Específica