Biblioteca - Profª Alzira Altenfelder Silva de Mesquita

Autor: Jádia Firmina da Silva
Título(s): [pt] Estratégias de enfrentamento utilizadas por idosas no cotidiano: contribuições do Projeto Sênior.
Resumo: [pt] O Envelhecimento é um fenômeno multidimensional que faz parte da evolução vital e inevitável do ser humano, no qual as diferentes dimensões biológicas, psicológicas e socioculturais interagem entre si e se influenciam reciprocamente. A reflexão sobre envelhecimento é um ponto de partida para a abordagem do tema e a forma como a pessoa lida com as mudanças no processo de envelhecimento repercute inevitavelmente na relação que ela estabelece com o seu próprio corpo e saúde. Assim, surge o coping ou estratégias de enfrentamento para criar mecanismos que podem ser utilizados pelos indivíduos para reduzir os efeitos do estresse ou perdas advindas do envelhecimento, bem como, manejar ou resolver o problema com objetivo de retornar à normalidade da funcionalidade individual o mais rápido possível. O estudo teve como objetivo analisar as estratégias de enfrentamento na relação com a prática de atividade física utilizadas pelas idosas na vida diária, antes e após a participação no Projeto Sênior que é promovido pela Universidade São Judas Tadeu – São Paulo. Participaram oito idosas com idades entre 60 e 84 anos. As informações coletadas para esse estudo foram por meio de Anamnese, Questionário de Classificação Econômica Brasil (ABEP, 2014), entrevista e o Inventário de Estratégias de Enfrentamento de Folkmam e Lazarus (1985) que foi aplicado em dois momentos, no início de final das atividades do Projeto. Os dados foram tratados por meio de estatística descritiva simples e conforme a necessidade dos instrumentos. As informações da entrevista foram exploradas pela análise de conteúdo conforme sugere Bardin (2011), utilizando o tema como unidade de análise. Os resultados expõem que houve a utilização de estratégias funcionais e disfuncionais nas oito idosas e essas estratégias se intercalam e se sobrepõem, os resultados revelam que houve equilíbrio na média total nas duas fases, tendo como resultado 16,1 na primeira fase da coleta de informações e 13,9 de média na segunda fase. Esses achados corroboram, com um estudo de Bertolin e Pace (2007) mencionam que muitas vezes há predomínio dos modos de enfrentamento focado na emoção e focado no problema, no entanto, esse grupo de idosas do Projeto Sênior apresentou o uso maior do enfrentamento com foco no problema, ou seja, utilizaram mais as estratégias funcionais, que possivelmente favoreceram essas idosas, na melhora do equilíbrio e manejo adequado frente às situações de estresse.
Abstract: [en] Aging is a multidimensional phenomenon that is part of the vital and inevitable evolution of the human being, in which the different biological, psychological and sociocultural dimensions interact and influence each other. Reflection on Aging is a starting point for the approach to the subject and how the person deals with the changes in the aging process affects inevitably the relationship it establishes with his own body and health. Thus, the coping or coping strategies appear to create mechanisms that can be used by individuals to reduce the effects of stress or losses arising from aging, as well as, manage or solve the problem in order to return to normality of the individual feature the fastest possible. The study aimed to analyze the coping strategies in relation to physical activity used by the elderly in daily life, before and after participation in the Senior Project which is promoted by the São Judas Tadeu University - São Paulo. Participants were eight elderly aged 60 and 84 years. The information collected for this study through anamnesis Questionnaire Economic Classification Brazil (ABEP, 2014), interview and Inventory Coping Strategies Folkman and Lazarus (1985) which was applied in two stages, at the end of the beginning of Project activities. The data were analyzed using simple descriptive statistics and as the need for tools. The interview information was exploited by content analysis as suggested by Bardin (2011), using the theme as the unit of analysis. The results state that there was the use of functional and dysfunctional strategies in the eight older and these strategies are interleave and overlap, the results show that there was balance in the overall average in the two phases, resulting in 16.1 in the first phase of collecting information and 13.9 medium in the second stage. These findings corroborate with a study of Bertolin and Pace (2007) mention that there is often a predominance of coping strategies focused on emotion and focused on the problem, however, this group of elderly the Senior Project presented using greater focus on coping the problem, that is, used more functional strategies, possibly favored these elderly, to improve balance and proper management front to stress.
Titulação: Mestra em Ciências do Envelhecimento
Orientador (a): Profa. Graciele Massoli Rodrigues
Banca

-

Assuntos: Envelhecimento, Estresse, Ajustamento (Psicologia).
Arquivo(s): Abrir documento (PDF)
   

Pesquisa Específica