Biblioteca - Profª Alzira Altenfelder Silva de Mesquita

Autor: Miriam dos Santos Korn
Título(s): [pt] A não verticalização na cidade vertical: barreiras e oportunidades o caso do distrito de Santa Cecília na cidade de São Paulo.
Resumo: [pt] O objetivo desta pesquisa é investigar os motivos que levam uma determinada região a ficar isolada do processo de verticalização de uma cidade em acelerado desenvolvimento urbano, e as consequências que esta não verticalização traz para a renovação urbana desta região. Neste caso em particular, a análise é feita sobre o distrito de Santa Cecília, localizado na área central da cidade de São Paulo, região que é cortada pela via elevada Presidente Costa e Silva, também conhecida como Minhocão. Busca-se entender quando este processo de verticalização é interrompido e quais os principais agentes de interferência que impactaram a transformação urbana desta região. Para responder a esta questão é necessário avaliar o processo de verticalização na cidade de São Paulo e concomitantemente na região de estudo, após a década de 1960 até os dias atuais. Para isso, esta pesquisa parte do levantamento de campo da espacialização e qualificação da verticalização do distrito de Santa Cecília e sua região lindeira, e do levantamento empírico da verticalização da cidade de São Paulo. Os resultados indicam que a região do distrito sofreu forte impacto no processo de verticalização com a construção do viaduto Costa e Silva, inaugurado em janeiro de 1971. Após esta data, a cidade de São Paulo mantém um acelerado ritmo de verticalização, que se apresenta bastante superior ao da região em análise. Este descompasso na transformação urbana desta área com relação ao da cidade indica uma das fontes de isolamento, que neste momento, aparentemente impõe contrastes urbanos. Esta heterogeneidade da região, hoje fornece atributos atraentes para a população mais jovem que busca morar em áreas caminháveis, com infraestrutura urbana consolidada, instalações culturais e institucionais. O mercado imobiliário enxerga esta oportunidade de renovação urbana, também influenciado pela futura desativação do Minhocão. Em contrapartida a população residente ainda enfrenta os problemas da degradação da região, apreensiva com a gentrificação que possa se configurar nas atuais expectativas para este Distrito .
Abstract: [en] The main goal of this research is to investigate the reasons that take a specific region to get isolated from the verticalization process of a city in speedy urban development and the consequences that the non-verticalization bring to the urban renewal in the region. In this particular case, the analyses are done upon the district of Santa Cecília, located in the central area of the city of São Paulo, a place that is divided by the viaduct Presidente Costa e Silva, also known as "Minhocão". It's sought to understand when the verticalization process is stopped and what are the main interference agents that impact the urban changes in that place. To answer that question it turns to be necessary to evaluate the verticalization process in the city of São Paulo and concomitantly in the studied region, from the 60’s until nowadays. To do so, this research starts from the camp analyzes of spacialization and the qualification of the verticalization from the district of Santa Cecília and its surrounding areas, and the empirical findings of the verticalization of the city of São Paulo. The results indicate that the district region had suffered from the impact of the verticalization with the built of the viaduct Costa e Silva, launched on January, 1971. After this date, the city of São Paulo keeps an accelerated rhythm of verticalization that presents itself superior enough compared to the analyzed region. This urban transformation mismatch of the area compared to the city indicates one of the reasons for isolation that in this moment, apparently, imposes urban contrasts. Nowadays, the region heterogeneity offers attractive tributes to the youth population that look for walking places with solid urban infrastructure, cultural installations and institutions. The property market sees an opportunity for urban renewal, also influenced by the future deactivation of "Minhocão". On the other hand, the resident population still face problems that were brought by the degradation of that region, worried by the gentrification that can be configured according to the actual expectations for this District.
Titulação: Mestrado em Arquitetura e Urbanismo
Orientador (a): Profa. Maria Carolina Mazivieiro
Banca

-

Assuntos: Renovação Urbana, Santa Cecília (São Paulo, SP).
Arquivo(s): Abrir documento (PDF)
   

Pesquisa Específica