Biblioteca - Profª Alzira Altenfelder Silva de Mesquita

Resumo

Autor: Giuliano Pablo Almeida Mendonça
Título(s): [pt] Capoeira na escola: análise e reflexões acerca de sua legitimação nas aulas de Educação Física das escolas estaduais da Direc 13- Jequié-Bahia
Resumo: [pt] Nos últimos anos, a Capoeira tem tido uma ascensão no que se refere ao seu estudo e divulgação na sociedade como um todo. É crescente o movimento que busca valorizar essa manifestação cultural Afro-brasileira, especialmente no ambiente escolar, como evidenciam inúmeros estudos e documentos oficiais que sinalizam essa possibilidade. Mas, mesmo com esse processo de valorização dessa manifestação cultural, percebemos que o tema Capoeira ainda não é desenvolvido de forma maciça na escola. Sendo assim, o presente estudo tem como objetivo investigar se a Capoeira está sendo abordada nas aulas de Educação Física na região da DIREC 13, e caso não esteja (nossa hipótese mediante imersão nesta realidade), compreender e analisar os motivos pelos quais isso ocorre, a partir do discurso dos professores. Paralelo a esse objetivo principal, buscaremos também, por meio destes discursos, relacionar estes motivos às fases historicamente vividas pela Capoeira, apontando rupturas e permanências neste processo de legitimação da Capoeira no ambiente escolar. Neste contexto, a presente pesquisa se justifica por ser mais um estudo acadêmico que vem a abordar esta temática, somando-se a outras que temos em nível nacional, e que visam colaborar para a defesa do ensino da Capoeira nas aulas de Educação Física escolar. Outra justificativa que parece pertinente é fomentar o debate acerca de uma tensão existente nesta área no Estado da Bahia, pois embora esta manifestação da cultura corporal seja valorizada fora dos “muros escolares” nesta região, sendo tratada em academias, nas ruas, filmes, novelas, propagandas, livros, etc; seu espaço parece ainda não estar sendo valorizado no contexto escolar. O método utilizado para essa pesquisa foi o descritivo de cunho qualitativo, utilizando-se como instrumento a aplicação de questionários, contemplando uma amostra de 47 professores que lecionam a disciplina Educação Física nas escolas estaduais da região abrangidas pela (DIREC 13) Jequié-BA. Cerca de 53% desta amostra respondeu aos questionários, e a partir da análise de Bardin (1977), foi possível algumas interpretações. Concluímos que todos os professores participantes são licenciados em Educação Física e quase todos tiveram a disciplina Capoeira na graduação. A maioria também fez cursos de especialização e o curso promovido pela Secretaria de Educação do Estado sobre a Capoeira. Todos eles consideram importante desenvolver o tema Capoeira em suas aulas (por motivos culturais, históricos e de desenvolvimento motor), apesar de 18, dos 25 professores de fato a desenvolverem em suas aulas. Outro dado a destacar é que 78% dos professores entendem a Capoeira como um tema multifacetado, o que se constitui como uma facilidade para aborda-la nas aulas de Educação Física. No que diz respeito às dificuldades encontradas para se desenvolver a Capoeira, o argumento da falta de material também apareceu, somado às mais diversas formas de preconceito, principalmente a religiosa, evidenciando que teremos que lidar com um novo tipo de preconceito para desenvolver este tema: a intolerância religiosa.
Abstract: [en] In recent years, Capoeira has been a rise in relation to its study and dissemination in society as a whole. A growing movement that seeks to valorize this African-Brazilian cultural manifestation, especially in the school environment, as evidenced by numerous studies and official documents indicate that possibility. But even with this valuation process this cultural manifestation, realize that the issue is not yet developed Capoeira massively in school. Thus, this study aims to investigate whether Capoeira is being addressed in physical education classes in the region of DIREC 13, and if not (our hypothesis by immersion in this reality), understand and analyze the reasons why this occurs, from the teachers' discourse. Parallel to this main objective, also seek through these discourses, these reasons relate to the phases historically experienced by Capoeira, pointing ruptures and continuities in this process of legitimation of Capoeira in the school environment. In this context, this research is justified because it is more an academic study that comes to addressing this issue, adding to the other we have at the national level, and aimed to contribute to the defense of the teaching of Capoeira classes in Physical Education. Another justification is that it seems pertinent to stimulate debate about a tension in this area in the State of Bahia, for although this manifestation of body culture is valued outside of "school walls" in this region, being treated in gyms, on the streets, films, novels , advertisements, books, etc; your space seem even not being valued in the school context. The method used for this research was descriptive qualitative nature, using as instrument the questionnaires, covering a sample of 47 teachers who teach Physical Education in state schools in the region covered by (DIREC 13) Jequie-BA. About 53% of this sample responded to the questionnaires, and the analysis of Bardin (1977), it was possible some interpretations. We conclude that all participating teachers are licensed in Physical Education and almost all had the discipline Capoeira graduation. Most also made specialized courses and course sponsored by the State Education about Capoeira. All they consider important to develop the theme Capoeira in their classes (for cultural, historical and motor development), although 18 of the 25 teachers actually develop in their classes. Another fact worth noting is that 78% of teachers believe Capoeira as a multifaceted issue, which is constituted as a facility to address her in physical education classes. With regard to the difficulties encountered in developing the Capoeira, the argument of lack of material also appeared, together with various forms of prejudice, especially religious, showing that we have to deal with a new kind of bias to develop this theme: religious intolerance.
Titulação: Mestre em Educação Física
Orientador (a): Eliana de Toledo Ishibashi
Assuntos: [pt] Capoeira
[pt] Educação Física Escolar;
[pt] História da Capoeira
Arquivo(s): Abrir documento (PDF)
   

Pesquisa Específica