Biblioteca - Profª Alzira Altenfelder Silva de Mesquita

Resumo

Autor: Inácio Brandl Neto
Título(s): [pt] Educação física escolar e o desenvolvimento da atitude cooperativa nos anos iniciais do ensino fundamental
Resumo: [pt] Tendências atuais em Educação vêm, cada vez mais, destacando os valores integrativos, sendo o desenvolvimento da atitude cooperativa citada como essencial. Tal atitude é recomendada principalmente devido à sua contribuição para a aprendizagem, para a convivência pacífica entre as pessoas e para a superação do egocentrismo pela criança, devido aos valores e aos tipos de ações nela envolvidos. A Associação dos Municípios do Oeste do Paraná (AMOP) implantou, em 2007, o Currículo Básico para a Escola Pública Municipal e em 2010 foi realizada uma revisão em relação às diretrizes para a Educação Física. Nesta versão, a cooperação consta como uma atitude permanente que perpassa todos os conteúdos. Investigar essa orientação curricular norteou esta pesquisa. Com o objetivo de compreender a seleção e a utilização de meios didáticos para o ensino e aprendizagem da cooperação como uma atitude permanente nos anos iniciais do Ensino Fundamental, três regentes efetivas, licenciadas em Educação Física, de uma escola da cidade de Marechal Cândido Rondon no Paraná, foram observadas durante 54 aulas e, posteriormente, entrevistadas. As informações coletadas durante as entrevistas foram, posteriormente, refletidas em conjunto com as docentes, inicialmente de forma individual e depois em grupo. A diretora da escola e a coordenadora de Educação Física municipal também foram ouvidas. A pesquisa, de natureza qualitativa, classifica-se como estudo de caso etnográfico na educação. Os resultados mostraram que as docentes estavam tentando atender a determinação das diretrizes municipais, cada uma à sua maneira. Vislumbrou-se 12 tipos de meios didáticos e em quase trezentas vezes eles foram utilizados: ajuda/cooperação, ajuda/cooperação competitiva, práticas participativas, em grupo – com ajuda, situações-problema em grupos, metas decididas em conjunto, ajuda para buscar/recolher o material, falação/orientação sobre ajuda/colaboração, troca de papéis, solicitação de ajuda aluno/aluno, ajuda professor/aluno na confecção de material, solicitação de colaboração com outras turmas. Elas demonstraram desconhecimento teórico de alguns meios didáticos importantes e outros foram pouco praticados. Também não conheciam as razões de se utilizar a cooperação nas docências, baseando-se no senso comum: ajuda, diminuição da violência e convivência harmônica/pacífica.
Abstract: [en] Current educational trends are increasingly highlighting the integrative values, beig the cooperative development an attitude cited as essencial. This atitude is mainly recommended due its contribution to learning, for peaceful coexistence between people and to overcome the egocentrism of the child, due to the values and types of actions they are involved. The Associação dos Municípios do Oeste do Paraná (AMOP) implanted in 2007 the Basic Curriculum for Municipal Public School and in 2010 a review regarding guidelines for Physical Education was held. In the latest version, corporation appears as a permanent attitude of all contents. To investigate the adopted situation this version guided the study. Aiming to understand the selection and use of instructional media for teaching and learning cooperation as a permanent attitude in the early years of elementary school, three effective regents licensed in Physical Education from a school in the city of Marechal Cândido Rondon in Paraná, were observed (descripted) during 54 classes and subsequently interviewed. After the interviews, the information descriptions were reflected together with the teachers, first individually and then in groups. The school director and the municipal coordinator of physical education were also heard. The research is qualitative and classified as an ethnographic case study in education. Based on previous studies, the assumption was to find a few cooperative actions. However, the results showed that the teachers were trying to meet the determination of guidelines, but each in its own way. Twelve types of teaching methods (situations / cooperative attitudes) were observed, and they were used almost three hundred times during the watched classes: help/cooperation, assistance/competitive cooperation, participatory practices, in groups - with aid, groups in problematic situations, goals jointly decided, help to collect stuff, chatting/guidance about assistance/collaboration, exchange of roles (role-playing), student/student help request, teacher/student help in making material, solicitation of collaboration with other classes. They demonstrated ignorance of some important theoretical teaching methods and other were little practiced. Also, they did not know the reasons of using cooperation in teaching, and based themselves on common sense: aid, reducing violence and harmonious/pacific coexistence.
Titulação: Mestre em Educação Física
Orientador (a): Sheila Aparecida Pereira dos Santos Silva
Assuntos: [pt] Educação Física
[pt] Ensino fundamental
[pt] Docência – Cooperação
Arquivo(s): Abrir documento (PDF)
   

Pesquisa Específica