Biblioteca - Profª Alzira Altenfelder Silva de Mesquita

Resumo

Autor: Bianca Elisabeth Thurm
Título(s): [pt] Perfil da percepção corporal e a insatisfação corporal em mulheres com transtornos alimentares : uma proposta de intervenção corporal
Resumo: [pt] O corpo é o elemento chave nos transtornos alimentares, pois geralmente há um distúrbio na habilidade de reconhecer adequadamente seu peso, tamanho e a forma do corpo, levando a uma insatisfação com o próprio corpo. Este estudo teve como objetivos verificar o perfil da percepção corporal e a insatisfação corporal em mulheres com transtorno alimentar e a partir destes dados elaborar um protocolo de intervenção na percepção corporal. Participaram da pesquisa 76 mulheres com transtorno alimentar divididos em anorexia nervosa (n=49) e bulimia nervosa (n=27). Para a avaliação do perfil corporal foi utilizado o teste Image Marking Procedure (IMP) e a avaliação do nível de insatisfação corporal, por meio do Teste de Silhuetas de Gardner. A análise estatística do perfil mostrou que as pacientes com transtorno alimentar se perceberam maior do que realmente é (hiperesquematia) sendo a cintura a região do corpo com percepção mais distorcida. Além disto, as pacientes com bulimia nervosa tendem a se perceber maiores do que as com anorexia nervosa. O grupo também mostrou ser insatisfeito com o seu corpo, sendo que as bulímicas tendem a ser mais insatisfeitas. Um dado importante observado neste estudo foi que a distorção da percepção da dimensão corporal não está relacionada com a insatisfação com o corpo. Foi sugerido um protocolo para a intervenção na percepção do corpo por meio de atividades corporais específicas tanto para o espaço pessoal quanto o peripessoal que estão intimamente relacionados com a construção do esquema corporal. Este estudo constatou que os componentes atitudinal e dimensional que constroem a percepção do corpo são mecanismos distintos e, portanto, necessitam de tratamento específico.
Abstract: [en] The body is the key element in eating disorders, since there is usually a disturbance in the ability to properly recognize weight, size and shape of the body, leading to dissatisfaction with their bodies. This study aimed to investigate the profile of body awareness and the body dissatisfaction in women with eating disorders and from these data establish a protocol for body awareness therapy. The participants were 76 women with eating disorders divided into anorexia nervosa (n = 49) and bulimia nervosa (n = 27). To evaluate the profile body test it was used the Image Marking Procedure (IMP) and the levels of body dissatisfaction through the Gardner silhouettes Test. Statistical analysis showed that the profile of patients with eating disorders are to perceive their body greater than it actually is (overestimation) and the waist region of the body showed the most distorted perception. Moreover, patients suffering from bulimia nervosa tend to overestimate more than those with anorexia nervosa. The group also proved to be dissatisfied with your body, and the bulimics tend to be more dissatisfied. An important fact observed in this study was that the distortion of perception of body size is not related to body dissatisfaction. It was suggested a protocol for intervention in the body schema through physical activities specific for both, the personal and peripersonal space that are closely related to the construction of the body schema. This study found that the attitudinal and dimensional components that build the body awareness mechanisms are different and therefore require specific treatment.
Titulação: Doutor em Educação Física
Orientador (a): Eliane Florêncio Gama
Assuntos: [pt] Exercícios físicos para mulheres
[pt] Imagem corporal
[pt] Transtornos da alimentação
Arquivo(s): Abrir documento (PDF)

Pesquisa Específica