Biblioteca - Profª Alzira Altenfelder Silva de Mesquita

Resumo

Autor: Marcio Roberto Doro
Título(s): [pt] Análise de aspectos biodinâmicos e cardiovasculares, relacionados à atividade física e saúde: comparação entre idosos praticantes de atividade física e sedentários
Resumo: [pt] O presente estudo avaliou os efeitos crônicos da prática do exercício físico regular em 35 idosos e a relação destes na economia com fármacos, risco cardiovascular, em parâmetros metabólicos, composição corporal e qualidade de vida. O grupo ativo foi composto por 22 idosos (10 homens e 12 mulheres) com média de idade de 67,09 ± 5,92. O grupo sedentários composto por 13 idosos (2 homens e 11 mulheres) com média de idade de 70,15 ± 6,10. O treinamento físico foi realizado 2 vezes por semana com intesidade de baixa a moderada e o grupo ativo é praticante regular de exercícios físico há 2 anos. Foram avaliados: valores gastos em medicamentos, variabilidade da freqüência cardíaca, pressão arterial, glicemia; tríaciglicerol, colesterol total, índice de massa corporal, relação cintura quadril e qualidade de vida. Resultados: os efeitos crônicos do exercício físico em idosos foram eficientes para diminuir os fatores de risco cardiovascular avaliados e também em reduzir os gastos com medicamentos esse conjunto de fatores fez com que o idoso perceba uma melhor qualidade de vida. Concluímos que o idoso praticante de exercício físico regular possui menor influência dos fatores de risco cardiovascular, tendo um menor consumo de medicamentos, consequentemente, gerando uma importante economia mensal. Esse conjunto de fatores proporcionou ao sujeito uma melhor percepção em relação à qualidade de vida.
Abstract: [en] This study evaluated the chronic effects of regular physical exercise in 35 elderlies, in the economy with drugs, cardiovascular risk in metabolic parameters, body composition and quality of life. The active group consisted of 22 elderly patients (10 men and 12 women) with average age of 67.09 ± 5.92. The group consisted of 13 sedentary elderly (2 men and 11 women) with average age of 70.15 ± 6.10. The physical training was performed two times per week with low-to-moderate intensity and the active group is practicing regular physical exercise for 2 years. Were evaluated: amount spent on drugs, heart rate variability, blood pressure, blood glucose; triacylglycerol, total cholesterol, body mass index, waist-hip ratio and quality of life. Results: The chronic effects of exercise in the elderly were efficient to reduce the cardiovascular risk factors assessed and also to reduce drug expenditures this set of factors meant that the elderly perceive a better quality of life. We conclude that the elderly practitioner of regular exercise has lessa influence of cardiovascular risk factors, with lower consumption of medications, thus generating significant monthly savings. This se of factors provided the subject a better perceptions of the quality of life.
Titulação: Mestre em Educação Física
Orientador (a): Érico Chagas Caperuto
Assuntos: [pt] Atividade Motora – Idoso
[pt] Envelhecimento - Sistema cardiovascular
Arquivo(s): Abrir documento (PDF)

Pesquisa Específica