Biblioteca - Profª Alzira Altenfelder Silva de Mesquita

Resumo

Autor: Daniel Barsottini
Título(s): [pt] A influência francesa na estruturação da Escola de Educação Física da Policia Militar de São Paulo (1906 -1932)
Resumo: [pt] Durante o período histórico que compreende o final século XIX e início do XX, São Paulo, devido à necessidade de se firmar politicamente no quadro nacional, busca reestruturar sua força policial. A política vigente neste período foi denominada de política do café com leite, entendida como uma aliança entre Minas Gerais e São Paulo. Esta aliança tinha como objetivo escolher o candidato à presidência da República que disputaria com um candidato fadado à derrota. Esta prática gerou incômodo entre os outros Estados, fazendo com que São Paulo se preocupasse em melhorar seu policiamento, prevendo possíveis invasões. Os problemas encontrados pela força policial, responsável por zelar pelos interesses políticos de São Paulo, eram inúmeros, o que levou o Presidente da República a contratar uma missão militar francesa para trabalhar no processo de reestruturação desta instituição. Várias foram as intervenções destes militares franceses, com destaque para a estruturação da sala de esgrima e ginástica, que, num processo de organização, serviu de alicerce para a fundação da Escola de Educação Física da Policia Militar. O objetivo deste trabalho foi descrever e analisar a influência cultural francesa no campo da Educação Física no contexto da Força Pública de São Paulo no início do século XX por meio de revisão bibliográfica e documental analisada com base no conceito antropológico de desterritorialização. Como resultado desta pesquisa, vimos que a missão militar francesa exerceu forte influência sobre a estruturação da Educação Física brasileira, porém, o que ficou evidente é que a fundação da Escola de Educação Física da Polícia Militar aconteceu em consequência de um processo político e econômico de caráter nacional.
Abstract: [en] During the historical period between the end of the 19th and beginning of the 20th century, due to the necessity of politically establishing itself in the national scene, Sao Paulo sought to restructure its police force. The political dominance at this time was known as “café latte” politics due to an alliance between Minas Gerais and Sao Paulo. The objective of this alliance was to choose the presidential candidate that would compete with a candidate that was fated for defeat. This plan of action provoked discomfort amongst the other states of the Republic and caused Sao Paulo concern regarding improving its police force while foreseeing possible invasions. The problems already faced by the police force, which was responsible for overseeing Sao Paulo’s political interests, were uncountable. This led the President of the Republic to hire a French military mission to work in the process of restructuring the local institution. The interventions of these French militaries were many. There was a special case with the structuring of the fencing and gymnastics facility, which serve as a foundation for the Military Police Physical Education School. The objective of this paper was to describe and analyze the French culture’s influence in the physical education area in the context of the public police force of Sao Paulo in the beginning of the 20th century. This was done through a literary review and document analysis based on the anthropologic concept of deterritorialization. As a result of this research, we saw that the French military mission greatly influenced the structuring of Brazilian physical education. What has become evident however, is that the foundation of the Military Police Physical Education School happened as a consequence of a national political and economical process.
Titulação: Mestre em Educação Física
Orientador (a): Sheila Aparecida Pereira dos Santos Silva
Assuntos: [pt] Aptidão física
[pt] Educação física e treinamento
Arquivo(s): Abrir documento (PDF)

Pesquisa Específica