Biblioteca - Profª Alzira Altenfelder Silva de Mesquita

Resumo

Autor: Simone Aparecida Bighetti
Título(s): [pt] Percepção das atletas de basquete das categorias mini e mirim sobre a competição esportiva em dois contextos competitivos contrastantes
Resumo: [pt] O esporte competitivo pode desenvolver diversas competências (conhecimentos, habilidades e atitudes) e toda criança pode se beneficiar deste fato, principalmente, quando é encorajada e tem oportunidades de prática. Assim, o objetivo desse estudo foi analisar a percepção das atletas de basquete das categorias mini e mirim sobre a competição esportiva em dois contextos competitivos contrastantes: Campeonato da Liga Regional e Festival Jamboree. Para tanto foram avaliadas dezoito atletas entre 10,3 e 13,0 anos através de um questionário composto por sete perguntas que permitiram respostas abertas. Foram utilizados os procedimentos propostos por Milles e Huberman (1994) para análise das respostas. Os resultados revelaram que as atletas identificaram diferenças entre as formas de competição e também quanto a filosofia que está por trás de cada uma, mas independentemente do formato dão grande importância para a interação social promovida pela prática da modalidade e que a diversão e a paixão pelo basquete são razões que as mantém praticando o esporte. Ainda que algumas queixas tenham surgido devido à própria composição do evento verificamos que a maior parte das atletas da categoria Mini tem preferência pelo Festival Jamboree mostrando que o aspecto lúdico e descontraído parece agradar as atletas mais jovens. Por outro lado, metade das atletas da categoria Mirim optou pelo campeonato da Liga, o que indica que o modelo de competição tradicional oferece algumas oportunidades para as atletas mais velhas que o festival não oferece, tais como, serem vistas por outros treinadores e desenvolverem-se mais, alem de oportunizar a projeção profissional. Através dos resultados podemos concluir que a “amizade” enfatizada nas respostas das atletas tanto mini quanto mirim aparece como fator indispensável para brincar, dialogar, socializar conhecimentos, elevar a auto-estima e que todos esses aspectos concorrem para a manutenção do interesse pela modalidade e a permanência na prática esportiva. A compreensão desses sentimentos e comportamentos é uma avenida importante na pesquisa científica do estudo da aderência à prática esportiva de jovens.
Abstract: The competitive sport can develop many competences (knowledge, abilities and attitudes) and every child can benefit from it, especially when one is encouraged and given the opportunity of practicing. So, the aim of this study was to analyze the basketball athletes’ perception of the sportive competition in two different competitive contexts: Regional League Championship and Jamboree Festival. For those 18 athletes, ages between 10.3 and 13.0 years old were evaluated by a questionnaire with biographical data and interview containing seven questions that allowed open answers. The procedures proposed by Milles and Huberman (1994) were used for analyzing the answers. The results showed that the children are able to distinguish not only the different forms of competition but also the philosophy behind each type. Independently of its format they give it a great value to its social interaction promoted by mode practicing and that fun and passion for basketball are the reasons they keep playing the sport. It was verified that the majority of athletes from mini category prefer the Jamboree Festival showing that the playful and casual aspect seem to please the younger athletes, even though there are some complaints about the event composition. Half of the Bantam athletes chose the League as their favorite, so it was found that the traditional competition model seems to offer opportunities of being seen by other coaches, to improve their abilities and furthermore to create professional projection. Through the results we can concluded that the "friendship" emphasized in the responses appear as indispensable to play, talk, share knowledge and raise self-esteem. All these aspects contribute to the maintenance of interest in the sport and the athletes' participation in it.
Titulação: Mestrado em Educação Física
Orientador (a): Maria Regina Ferreira Brandão
Assuntos: [pt] Basquetebol para crianças
[pt] Competição (esporte)
[pt] Esportes infantis
Arquivo(s): Abrir documento (PDF)

Pesquisa Específica