Biblioteca - Profª Alzira Altenfelder Silva de Mesquita

Resumo

Autor: Paula Maria Dalvio Gonçalves
Título(s): [pt] Efeitos dos exercícos contínuo e acumulado no envelhecimento dos músculos gastrocnêmio e sóleo de ratos wistar : estudo morfológico e quantitativo
Resumo: [pt] Os principais componentes do músculo estriado são os miócitos, os capilares e o tecido conjuntivo intersticial. O envelhecimento afeta todos estes componentes de forma diversa. A perda de fibras musculares (sarcopenia) é a alteração mais importante na perda de função. Dentre os fatores não farmacológicos que podem influenciar a sarcopenia do envelhecimento os exercícios são os mais indicados. Vários tipos de exercícios tem sido utilizados com essa finalidade. Os efeitos do exercício de força são bem conhecidos. Entretanto, a influência de exercícios aeróbios no envelhecimento dos músculos tem sido pouco estudada. O objetivo desse trabalho foi observar a influência da realização de dois protocolos de exercícios aeróbios nos efeitos do envelhecimento dos músculos gastrocnêmico e sóleo em ratos. Foram utilizados 20 ratos machos Wistar divididos em 4 grupos: Grupo Controle inicial (GC), com 5 animais, sacrificados aos 12 meses de idade; Grupo sedentário (GS), com 5 animais que não realizaram exercícios, sacrificados aos 16 meses de idade; Grupo com exercício contínuo (GTC), com 5 animais, que realizaram exercício contínuo dos 12 aos 16 meses de idade, quando foram sacrificados e Grupo com exercício acumulado (GTA), com 5 animais, que realizaram exercício intermitente, dos 12 aos 16 meses de idade, quando foram sacrificados. Os grupos de ratos treinados (grupos GTC e GTA) foram submetidos a um protocolo de caminhada em esteira ergométrica com velocidade e carga constante (0,3 Km/h) 1x/dia/ 5dias/semana com duração de 30 (trinta) minutos para o grupo GTC e 0,3 Km/h, 2x/dia/5dias/semana com duração de 15 (quinze) minutos pela manhã e 15 minutos à tarde para o grupo GTA. Os músculos dos animais foram retirados após sacrifício, e, após confecção de lâminas coradas pelo hematoxilina e eosina e pelo método histoquímico do Picrossirius para análise de fibras colágenas, foram analisados morfometricamente e estereologicamente. Os dados obtidos foram submetidos à análise estatítica utilizando o ANOVA e teste pos hoc de Tukey. Os resultados mostraram diferenças significantes (p<0,05) entre os grupos no número de capilares, onde GC teve uma maior número de capilares/área comparado com GS e GTA. Foram apontadas diferenças significativa (p<0,05) entre os grupos na área das fibras musculares, onde GC e GS apresentaram diferença entre eles e estes dois grupos com GTA e GTC. No parâmetro colágeno, houve diferença significativa (p<0,05) entre os grupos GC e GS. Porém não houve diferença significativa (p>0,05) entre os grupos na quantidade de número de fibras/área. O comportamento sedentário dos animais mostrou as alterações do envelhecimento do músculo gastrocnêmico medial, especialmente na área das fibras musculares. Por outro lado a realização de ambos os tipos de exercícios minimizou estes efeitos deletérios do envelhecimento, especialmente em relação a área da fibras e a capilarização , mas o exercício contínuo foi mais eficiente para amenizar o perda de fibras musculares no envelhecimento.
Abstract:  
Titulação: Mestrado em Educação Física
Orientador (a): Romeu Rodrigues de Souza
Assuntos: [pt] Envelhecimento
[pt] Exercício
[pt] Músculo esquelético
Arquivo(s): Abrir documento (PDF)

Pesquisa Específica