Biblioteca - Profª Alzira Altenfelder Silva de Mesquita

Resumo

Autor: Mesaque Silva Correia
Título(s): [pt] Projeto sênior para a vida ativa: uma pesquisa participante
Resumo: [pt]. O presente estudo refere-se a uma Pesquisa Participante desenvolvida no contexto educacional do Projeto Sênior para a Vida Ativa, implantado há oito anos na Universidade São Judas Tadeu, em São Paulo. Esse Projeto busca, através das atividades físicas, construir conhecimento e desenvolver ações necessárias à construção da autonomia pelos idosos, ampliando seu pensamento crítico sobre a realidade circundante . Para isso, os fios condutores das suas ações se sustentam nas perspectivas filosóficas e metodológicas do Ideário da Promoção da Saúde, da Teoria da Velhice Bem Sucedida e da Pedagogia da Autonomia, proposta pelo educador brasileiro Paulo Freire. Os objetivos deste estudo foram compreender o cotidiano educacional do Projeto Sênior para a Vida Ativa, observando a dinâmica das relações sociais que se estabelecem durante o processo educativo, assim como identificar como a práxis educativa se estrutura como prática social. Na primeira etapa da pesquisa realizou-se uma entrevista com as coordenadoras do projeto até 2009 para identificar as dificuldades enfrentadas pela equipe pedagógica ao longo do tempo. Além disso, observou-se a dinâmica pedagógica dos educadores do projeto e os resultados parciais da pesquisa foram problematizados quando necessário.No segundo momento, procedeu-se à realização de entrevistas com educadores, monitores e idosos com a finalidade de situar com mais profundidade essa prática que objetiva educar para a autonomia. Além disso alguns planos de aula foram analisados. Após oito meses de investigação, os resultados revelaram que a estruturação do modelo pedagógico do Projeto Sênior mostrou-se coerente com uma educação que pretende contribuir para a transformação social a partir da construção do conhecimento pelos agentes do processo educativo. Essa coerência foi percebida pela forma harmoniosa com que as relações sociais se estabelecem no âmbito da práxis educativa, sem excluir o debate e o conflito entre os sujeitos participantes. A práxis educativa, estruturou-se como uma práxis social ao buscar desenvolver uma educação física para o sujeito idoso, centrada no engajamento individual e coletivo, no respeito à diversidade de saberes, nos limites e possibilidades de cada sujeito e no fortalecimento da autonomia e do senso crítico. Com os resultados obtidos pode-se considerar que o fazer pedagógico dos profissionais da educação física que atuam no Projeto Sênior estabelece na sua práxis um agir político e social no processo educativo, que entra no campo da pedagogia social. Além disso, ressalta a coerência da prática pedagógica com as teorias adotadas no projeto. Em contra partida, alguns dos depoimentos dos educadores trouxeram à tona a necessidade de aprofundamento da pedagogia freireana, o que é mais um indicativo da coerência da base teórica do Projeto Sênior. A partir dos resultados expostos, considera-se que o desenvolvimento de uma prática emancipatória na área da educação física para idosos é uma utopia possível de realização.
Abstract: This project is about a Participatory Research developed in the context of the Senior Project for the Active Life, created eight years ago at the Universidade São Judas Tadeu, in São Paulo city. The Senior Project aims, through physical activities, to build knowledge and to develop actions needed to build autonomy among elderly people, broadening their critical thinking about their reality. In order to do that, the pillars of its actions are the philosophical and methodological perspectives of the Principles of Health Promotion, the Theory of the Successful Ageing and the Pedagogy of Autonomy (this last one from the Brazilian teacher Paulo Freire). The objectives of this study were to understand the educational daily life of the Senior Project, observing the dynamic of the social relationship established during the educational process, as well as to identify how the educational praxis structures itself as a social practice. In the first phase of the research it was conducted one interview with the coordinators of the project till the year 2009 in order to identify the problems faced by the pedagogical team along the time. Besides this, the educational practice of the educators was observed and the partial results of the research were questioned when needed. In the second phase, interviews were conducted with educators, monitors and elderly people so that one can deeply understand this practice for autonomy. Added to this, some classes´ plans were analysed. After eigth months of investigation, the results revealed that the pedagogical model of the Senior Project was coherent with an education that intends to contribute to social change based in the building of knowledge by the agents of the educational process . This coherence was perceived through the congruent way that the social relationships are established in the frame of the educational praxis, without excluding the discussions and conflicts among the participants. The educational praxis was structured as a social praxis when it tried to develop a physical education to the elderly, centered in the individual and collective engagement, in the respect to the diversity of knowledge, in the limits and possibilities of each subject and in the strengthening of autonomy and critical sense. The results show that the educational practice of the physical education professionals in the Project Senior establishes in its praxis a social and political practice which pervades the field of the social pedagogy . Besides this, it highlights the congruence of the educational practice with the theories adopted in the Project. On the other hand, some testimonies of the teachers bring up the need for deepening the Freirean pedagogy, which is one more signal of the coherence of the Senior Project theoretical basis. Considering these results, to develop a practice for autonomy in the field of physical education for elderly is an utopia possible to become true.
Titulação: Mestrado em Educação Física
Orientador (a): Maria Luiza de Jesus Miranda
Assuntos: [pt] Idosos
[pt] Educação física
[pt] Práticas sociais
Arquivo(s): Abrir documento (PDF)

Pesquisa Específica