Biblioteca - Profª Alzira Altenfelder Silva de Mesquita

Resumo

Autor: Felipe Marques Checa
Título(s): [pt] Validação de um questionário para a avaliação do nível de atividade física pela internet
Resumo: [pt] A atividade física tem sido considerada um importante fator para que os indivíduos tenham um estilo de vida saudável. Dessa forma, avaliar o nível de atividade física de uma população continua sendo uma das formas de identificar um importante componente de um estilo de vida saudável, já que existe relação entre maior nível de atividade física e menor incidência de doenças crônicas não transmissíveis. Para estimar o nível de atividade física de uma população é sabido que existem mais de 50 formas diferentes instrumentos validados sendo que os questionários têm grande destaque, em relação à sua eficácia e efetividade. No entanto, como a avaliação através de questionários demanda em geral grande tempo e maiores custos, o presente estudo teve como objetivo a validação de um questionário reconhecido internacionalmente para sua aplicação via internet. Para o desenvolvimento do estudo, a amostra foi constituída por 29 sujeitos na faixa etária entre 20 e 50 anos, o método escolhido foi aplicação de teste e reteste do questionário Baecke com intervalo de sete dias. A validade foi analisada mediante comparações das aplicações dos questionários T1 (aplicação tradicional) e T2 (aplicação via e-mail) e calculado valores da correlação de Pearson e do teste t de Student através do software SSPS versão 13.0 para Windows. O questionário online foi desenvolvido e enviado por e-mail através da ferramenta do Google Docs. O valor encontrado na correlação do escore total do instrumento foi de 0,94, para o escore das atividades físicas ocupacionais e de 0,95. Para o escore dos exercícios físicos de lazer foi de 0,90 e para o escore das atividades físicas de lazer e locomoção foi de 0,93. Conclui-se que os resultados apresentaram evidências e consistência para uma correlação positiva entre as duas formas de aplicação do instrumento, validando assim o questionário Baecke para sua aplicação via internet.
Abstract: Physical activity has been considered an important factor for individuals to have a healthy lifestyle. Thus, assessing the physical activity level of a population remains one of the ways to identify an important component of a healthy lifestyle, since there is a relationship between higher levels of physical activity and lower incidence of chronic diseases later. To estimate the level of physical activity of a population is known that there are over 50 different ways that validated instruments and questionnaires have great prominence in relation to its efficiency and effectiveness. However as the assessment through questionnaires demand more time and higher costs, this study aimed to validate a questionnaire recognized internationally for its application via the Internet. To develop the study, the sample consisted of 29 subjects aged between 20 and 50 years, the chosen method was applied to test and retest of the Baecke questionnaire at an interval of seven days. Validity was determined through comparisons of the applications of the questionnaires T1 (traditional application) and T2 (application via e-mail) and calculated values of Pearson correlations and Student t test using software SPSS version 13.0 for Windows. The online questionnaire was developed and sent by email through the tool of Google Docs. The value found in the correlation of total score was 0.94 for the scores of occupational activities and 0.95. For the score of leisure physical activity was 0.90 and the score of leisure physical activity and locomotion was 0.93. We conclude that the results provided evidence for consistency and a positive correlation between the two forms of application of the instrument, thus validating the Baecke questionnaire for your application via the Internet.
Titulação: Mestrado em Educação Física
Orientador (a): Marilia Velardi
Assuntos: [pt] Atividade Motora – Questionários
[pt] Internet - Estudos de Validação
Arquivo(s): Abrir documento (PDF)

Pesquisa Específica