Biblioteca - Profª Alzira Altenfelder Silva de Mesquita

Resumo

Autor: Conceição Midori Hatanaka
Título(s): [pt] Arte no Metrô: obras de arte no espaço público do Metrô de São Paulo.
Resumo: [pt] Este trabalho procurou estudar a existência de interações do usuário do metrô da cidade de São Paulo com as obras de arte instaladas nos espaços das estações e que fazem parte do projeto: Arte no Metrô. A análise de dados históricos da época da implantação da rede de transporte metropolitano, das características arquitetônicas dos espaços condicionados pela modernidade que introduz o início da caracterização da mobilidade urbana, da atitude do usuário frente ao cotidiano e aos conflitos do viver problemas da supermodernidade, foram alguns dos acontecimentos que motivaram a procura para conhecer textos de diversos pesquisadores de conceitos da Arte Pública, como fundamento para o desenvolvimento deste tema. Através do estudo da evolução urbana que condiciona o uso de espaços públicos e o processo de transformação da arte nestes espaços, procurou-se investigar e fundamentar o tema: Arte no Metrô, num aporte interdisciplinar, observandose as diferenças no olhar do arquiteto, do artista, da empresa que administra o sistema e do público que utiliza as estações do metropolitano de São Paulo. Interações ocorrem em diferentes níveis; de que maneira estas ocorrem, o que as dificulta e o que as facilita, são questionamentos que podem gerar reflexões sobre possíveis caminhos para investigar o tema.
Abstract: [en] This research tries to establish the existence of interaction between the commuters of São Paulo City’s Metro and the works of art placed around the Metro stations, which were part of the project ‘Subway Art’. An analysis of historical data of the time of the construction of the Metro network, the architectural features of spaces conditioned by the modernity that introduce the start of what defines the urban mobility, the attitude of commuters faced with the repetitiveness and conflicts derived from the problems of ‘super modernity’, were some of the facts which led to research into Public Art concept. This study investigates and gives support to the ‘Subway Art’ theme, through the study of urban evolution, which conditions the use of public spaces and the process of transformation of art in such spaces, within an interdisciplinary context. It tries to clarify the differences of perception of the architect, the artist, the Metro Company and the commuters, of the Metro stations in Sao Paulo. Interaction occurs at different levels: how they happen, what blocks them and what makes them flow, are some of the questions that may throw up thoughts on possible ways to investigate the theme.
Titulação: Mestrado em Arquitetura e Urbanismo
Orientador (a): Alexandre Emílio Lipai.
Assuntos: [pt] Arte pública
Arquivo(s): Abrir documento (PDF)

Pesquisa Específica