Biblioteca - Profª Alzira Altenfelder Silva de Mesquita

Resumo

Autor: Daniel Alvarez Pires
Título(s): [pt] Validação do questionário de Burnout para atletas.
Resumo: [pt] A síndrome de burnout pode ser definida como uma reação ao estresse crônico. No meio esportivo, todos os profissionais envolvidos tornam-se passíveis de serem acometidos por esse fenômeno e, em especial, os atletas que se constituem em indivíduos com elevado potencial de incidência de burnout, devido ao fato de receberem críticas e cobranças mais diretas em relação a sua performance, bem como pela intensidade e freqüência dos treinamentos e competições. No entanto, são raros no Brasil os estudos sobre os instrumentos de identificação e mensuração dessa síndrome em esportistas. Assim sendo, o objetivo principal dessa pesquisa constitui em validar um questionário de burnout em atletas para a língua portuguesa. Para tanto, foram realizados os seguintes passos metodológicos: tradução para a língua portuguesa do "Athlete Burnout Questionnaire" (ABQ), através do método de "Back translation", originado o Questionário de Burnout para atletas (QBA); projeto piloto; validação da QBA, através dos métodos de validade de construto (análise fatorial), validade concorrente (teste POMS) e análise de conteúdo com a formação de categorias a priori (3 palavras) e, por ultimo, verificação da confiabilidade (a de Cronbach). Os resultados encontrados confirmaram tanto a validade de construto (o instrumento representa com exatidão o conceitos de interesse) quanto à confiabilidade (o instrumento mede efetivamente o que se propõe a medir) do QBA. De acordo com o objetivo da validação concorrente, que consistia em validar um instrumento (o QBA) a partir da correlação com outro instrumento reconhecido na literatura cientifica (POMS), pode concluir que o QBA se encontra validado estatisticamente. Ao longo da análise de conteúdo, as palavras escritas pelos atletas foram classificadas por três juízes doutores. Conforme a classificação, as mesmas poderiam ser enquadradas como pertencentes ou não ao burnout total e suas subescalas. Os resultados da análise do conteúdo demonstraram que os atletas que citaram palavras relacionadas ao burnout total ou à determinada dimensão de burnout obtiveram escores significativamente mais elevados para tais variáveis quando comparados com aqueles que não verbalizaram algo a respeito da síndrome ou de suas subescalas. Os achados dessa investigação permitem concluir que o QBA é considerado um instrumento adequado para a identificação e mensuração da síndrome de burnout em atletas brasileiros de alto rendimento.
Abstract: [en] The burnout syndrome can be defined as a reaction to chronic stress. In the sport's environment, all the professionals involved are vulnerable to be reached by this phenomenon and, specially, the athletes constitute themselves in individuals with high probability of burnout occurrence, due to the fact that they receive more direct criticism and charging about their performance, as well as by the training's and competition's intensy and frequency. However, the syndrome identification and measurement instrument studies are fairly rare in Brazil. Therefore, this study aimed to validate a burnout questionnaire for athletes of Portuguese language. Four methodologically steps were followed: Black Translation of the Athlete Burnout Questionnaire (ABQ) to the Portuguese language, what led to the "Questionário de Burnout para Atletas" (QBA); pilot project; QBA's validation, through construct validation (factor analysis), competitor validation (POMS test) and content analysis (3 words); and, finally, the QBA's reliability. The data found confirmed both the QBA's construct validity (the instrument represents exactly the interest concept) and reliability (the instrument measures effectively what it purposes to measure). According to the aim of the competitor validation, which consisted to validate an instrument (QBA) through the correlation with another known instrument in the scientific (POMS), we can conclude that QBA is statistically validated. About the content analysis, the words written by the athletes were classified by 3 Doctors. According to this classification, these words could be chosen as pertaining or not the burnout syndrome and its subscales. The content analysis results showed that athletes who wrote related to the burnout and its subscales had scored significantly higher in these variables when compared with those didn't write anything about the syndrome and its dimensions. The findings of this investigation let us conclude that QBA is considered an appropriate instrument for the burnout syndrome identification and measurement in high level brazilian athletes.
Titulação: Mestrado em Educação Física
Orientador: Maria Regina Ferreira Brandão
Assuntos: [pt] Stress ocupacional
[pt] Burnout (Psicologia)
[pt] Atletas – aspectos psicológicos
[pt] Validação de instrumento
Arquivo(s): Abrir documento (PDF)

Pesquisa Específica